Paquistão derruba acusação de blasfêmia contra adolescente

Atualizado em  20 de novembro, 2012 - 08:00 (Brasília) 10:00 GMT

A Suprema Corte do Paquistão derrubou uma acusação de blasfêmia feita contra uma jovem cristã de 14 anos, chamada Rimsha Masih.

Ela foi presa em agosto deste ano e mantida em uma prisão de segurança máxima, após ter sido acusada de haver queimado páginas do livro sagrado dos muçulmanos, o Corão.

Mas seu advogado disse à BBC que a jovem era totalmente inocente. Em setembro, ela foi solta após pagamento de uma fiança.

Ela foi presa em um presídio de segurança máxima após ter sido acusada por um líder religioso muçulmano, mas agora acredita-se que o clérigo islâmico teria fabricado provas conta a jovem cristã.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.