Sarkozy é interrogado sobre doações para campanha de 2007

Atualizado em  22 de novembro, 2012 - 09:10 (Brasília) 11:10 GMT

O ex-presidente francês Nicolas Sarkozy está sendo interrogado nesta quinta-feira por um juiz na cidade de Bordeaux por suas ligações com a mulher mais rica da França, a herdeira do grupo l'Oreal, Liliane Bettencourt.

O presidente teria supostamente aceito doações a seu partido para a campanha eleitoral de 2007. O ex-presidente sempre negou as acusações.

O tesoureiro da campanha está sendo investigado pela polícia. Ele é acusado de receber pagamentos ilegais para a campanha de Sarkozy. A lei francesa limita as doações para partidos no valor de US$ 9,5 mil por ano.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.