Estados Unidos chamam ataque a embaixada na Turquia de 'ato de terrorismo'

Atualizado em  1 de fevereiro, 2013 - 16:24 (Brasília) 18:24 GMT

O secretário de imprensa da Casa Branca, Jay Carney, chamou o atentado contra a embaixada dos Estados Unidos em Ancara, na Turquia, de "um ato de terrorismo".

O porta-voz do presidente dos EUA, Barack Obama, assinalou que o governo americano ainda não sabe quem é o responsável pelo ataque.

Para Carney, entretanto, um ataque suicida com explosivos no perímetro de uma embaixada é, por definição, um "ato terrorista".

Na manhã desta sexta-feira, um homem bomba detonou o explosivo que carregava no corpo em frente à representação diplomática dos EUA em Ancara.

Além do próprio autor do atentado, um segurança turco morreu no incidente.

Autoridades do país atribuíram o ataque aos esquerdistas do país.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.