Israel tenta desestabilizar a Síria, diz Assad

Atualizado em  3 de fevereiro, 2013 - 12:43 (Brasília) 14:43 GMT

O presidente da Síria, Bashar al-Assad, afirmou que Israel está tentando desestabilizar seu país.

Os comentários de Assad foram uma referência aos ataques aéreos israelenses realizados na quarta-feira passada contra um centro de pesquisas militares na cidade síria de Jamraya.

Segundo Assad, os ataques expuseram ''o papel que Israel está exercendo, em colaboração com forças estrangeiras inimigas e seus agentes em território sírio, para desestabilizar e enfraquecer a Síria''.

De acordo com autoridades dos Estados Unidos, os ataques tinham por alvo um comboio que levaria armas para o Líbano.

O ministro da Defesa isarelense, Ehud Barak, disse que a incursão israelense é prova de que ''quando dizemos uma coisa, nós falamos para valer''.

''Não achamos que a Síria deva ser autorizada a trazer armamentos avançados para dentro do Líbano'', acrescentou Barak.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.