Arábia Saudita aponta mulheres para conselho legislativo pela primeira vez

Atualizado em  19 de fevereiro, 2013 - 18:30 (Brasília) 21:30 GMT

O rei Abdullah, da Arábia Saudita, apontou nesta terça-feira mulheres para compor o Conselho Shura, que orienta a criação de novas leis nacionais, algo inédito na história do país.

Esta é a primeira vez que mulheres ocupam cargos políticos dessa magnitude no reino saudita, tradicionalmente muito conservador.

Trinta mulheres, entre elas uma ativista de direitos humanos, tomaram posse de seus assentos no conselho no palácio real, em Riad, ao lado de mais de 200 colegas homens. Todos foram juramentados no cargo em uma cerimônia coletiva.

Apesar da medida considerada progressista, o Conselho Shura está sendo reformulado para que as reuniões ocorram de forma segregada, com separação entre homens e mulheres.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.