Parlamento do Chipre aprova plano alternativo de resgate

O Parlamento do Chipre aprovou nesta sexta-feira um pacote de medidas com o objetivo cumprir as condições exigidas pela União Europeia para que o país possa receber um plano de resgate internacional.

Entre as nove medidas aprovadas estão a criação de um fundo de solidariedade, uma lei que dá ao governo o poder de fazer controles de capital nos bancos e uma norma para reestruturar os bancos do país.

A aprovação das medidas ocorre depois que o Banco Central Europeu disse que cortaria todo tipo de ajuda emergencial às instituições financeiras do país caso não houvesse um acordo satisfatório.

Os ministros de Finanças da zona do euro devem se reunir neste domingo, em Bruxelas, para fechar os termos do possível pacote de resgate para o Chipre.