Oposição ocupa assento da Síria na Liga Árabe

A Coalizão Nacional, que reúne a oposição síria, ocupou o assento do país na Liga Arabe, durante encontro da organização no Catar.

A delegação, liderada por Ahmed Moaz al-Khatib, que há dias renunciou ao cargo, foi aplaudida. O regime de Assad criticou a decisão, dizendo que o assento foi dado a "bandidos".

A Liga Árabe havia suspendido a participação do regime de Bashar al Assad como representante da Síria em novembro de 2011.

O Catar é um dos países que defende a entrega de armas aos rebeldes. A guerra civil que dura dois anos já deixou mais de 70 mil mortos.