Chipre revela perdas para grandes clientes de banco

Clientes com valores acima de 100 mil euros depositados no Banco do Chipre – o maior banco do país – deverão sofrer perdas de até 60%, informou neste sábado o Banco Central do Chipre.

O percentual é mais alto do que o inicialmente esperado, e é resultado das regras do pacote de resgate econômico negociado com a União Europeia e o FMI (Fundo Monetário Internacional).

Esses grandes clientes terão 37,5% de suas economias convertidas em ações quase sem valor.

Outros 22,5% dos fundos desses clientes serão congelados sem juros, e os 40% restantes receberão juros dependendo da situação do banco.