Jovem ateia fogo ao próprio corpo na Tunísia

Um jovem desempregado ateou fogo ao próprio corpo neste domingo na cidade de Sidi Bouziz, na Tunísia.

Ele foi encaminhado a um hospital local com graves queimaduras por todo o corpo.

Segundo testemunhas, o homem não disse nada antes de atear fogo sobre si mesmo, mas amigos do rapaz afirmaram à imprensa local que ele não tinha emprego e vivia na pobreza.

Em 2011, um ato similar foi o estopim para o início dos protestos que culminaram com a derrubada do governo do então presidente Zine El Abidine Ben Ali.

Na ocasião, a onda de manifestações que se seguiu à auto-imolação do jovem Mohamed Bouazizi espalhou-se rapidamente para outros países da região e ficou conhecida como 'Primavera Árabe'.

No entanto, dois anos após a queda do regime de Ben Ali, as perspectivas econômicas da Tunísia pouco mudaram.

A taxa média de desemprego é de 18%, e o índice é ainda maior entre a população mais jovem.