Total de mortos por desabamento em Bangladesh passa de 500

O número de mortos em consequência do desabamento de um prédio em Bangladesh já passa de 500, informaram autoridades locais.

Segundo fontes do Exército, mais 20 corpos foram retirados dos escombros durante a madrugada, elevando o total de vítimas para 501.

O edifício Rana Plaza abrigava cinco fábricas de roupas e desabou na quarta-feira passada, no que foi o maior desastre do país.

Na noite de quinta-feira, a polícia de bengalesa prendeu outro engenheiro supostamente envolvido na tragédia. Abdur Razzak Khan agiu como consultor para o proprietário do Rana Plaza, Mohammed Sohel Rana, suspeito de acrescentar novos andares ao prédio de forma illegal.

Segundo a mídia bengalesa, Khan teria sido chamado para inspecionar o prédio quando a estrutura apresentou rachaduras no dia 24 de abril, um dia antes de desabar.