A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Aquário liberta enguia para jornada de 3,2 mil km no mar em busca de parceira

Uma enguia macho do tipo conger foi libertada no mar na Escócia para iniciar uma jornada de 3,2 mil quilômetros para se reproduzir.

A enguia de 1,8 metro foi batizada de Rip e vivia no aquário Macduff, na cidade de Aberdeenshire, desde 2004.

Direito de imagem BBC World Service
Image caption Rip vivia no aquário Macduff desde 2004 (BBC)

Mas, os funcionários notaram que ela estava inquieta, sinal típico de que a enguia estava pronta para a jornada pelo oceano Atlântico.

Sandra Bisset, do aquário Macduff, afirma que "a jornada de Rip é longa, mas a enguia é muito forte e todos esperam que ela chegue ao seu destino final", o arquipélago de Açores, no Oceano Atlântico ao largo de Portugal.

A jornada começa com mergulhadores dentro do tanque, conduzindo a enguia para dentro de uma grande bolsa. Um guindaste colocou a bolsa na água do mar, onde a plateia esperava a primeira aparição de Rip fora do aquário.

Depois de muita expectativa, Rip finalmente apareceu. Minutos depois, ele saiu nadando, começando sua viagem.

Se a enguia conseguir chegar às ilhas Açores ele vai encontrar sua companheira, se reproduzir e morrer em seguida.