A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Morte de Kim Jong-il gera comoção e incerteza na Coreia do Norte

O anúncio da morte do líder da Coreia do Norte, Kim Jong-il, foi feito pela televisão estatal do país.

A apresentadora, de luto e visivelmente emocionada, informou que o líder norte-coreano morreu devido a sobrecarga de trabalho físico e mental. Mais tarde, foi anunciado que Kim Jong-il havia morrido após um ataque cardíaco.

Logo de madrugada, as reações emocionadas tomaram a capital, Pyongyang, com norte-coreanos depositando flores em frente à grande estátua de Kim Jong-il.

Direito de imagem BBC World Service
Image caption Morte de Kim Jong-il causou comoção na Coreia do Norte (BBC)

Comandando um dos países mais fechados do mundo, Kim Jong -il era conhecido por ser um líder excêntrico.

A Coreia do Norte é alvo de preocupação da comunidade internacional devido às suas armas nucleares.

Por isso, logo depois da morte de Kim Jong -il, os militares da Coreia do Sul foram colocados em alerta.

A imprensa estatal norte-coreana já descreve o filho mais novo, Kim Jong-um, como o grande sucessor.

Mas o fim do longo e muitas vezes excêntrico governo de Kim Jong-il apenas aumenta a incerteza para a Coreia do Norte e o resto do mundo.