A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Carcaça quase intacta de mamute revela disputa entre humanos e leões

A descoberta de uma carcaça quase intacta de um jovem mamute na Sibéria sugere que na Pré-História os humanos disputavam com leões a carne dos animais.

Esta é a mais forte evidência encontrada até hoje de interação entre humanos e mamutes nesta região.

Os restos do animal foram encontrados depois de passar quase dez mil anos sob o gelo.

Uma das vantagens da nova descoberta é que, ao contrário de outras carcaças, os músculos e os órgãos estão quase intactos.