A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Japão abandona gravatas para economizar energia

A partir deste 1º de maio, funcionários públicos do Japão podem ir trabalhar sem gravatas e de mangas arregaçadas como parte da campanha anual "Cool Biz", para economizar energia elétrica.

Direito de imagem Reuters
Image caption No alto verão, será permitido trabalhar de chinelos e camisão em repartições públicas

Neste ano, ela chegou um mês mais cedo, diante da previsão de um verão sem energia nuclear.

O tsunami do ano passado abalou a usina de Fukushima e a confiança dos japoneses na segurança da energia atômica. Tanto que hoje, só uma das 50 usinas está funcionando, e o último reator será desligado para manutenção no dia 5 de maio.

Preocupado com apagões no alto verão, o governo japonês agora se prepara para lançar a campanha "Super Cool Biz" - permitindo até sandálias e camisões estilo Havaí no ambiente de trabalho.