Dissidente chinês Ai Weiwei grava versão de hit 'Gangnam Style'

Atualizado em  25 de outubro, 2012 - 14:29 (Brasília) 16:29 GMT

Player

Artista diz que vídeo foi feito em protesto contra demolição da casa de um amigo pelo governo.

Assistirmp4

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Formatos alternativos

O artista dissidente chinês Ai Weiwei gravou sua própria versão do hit "Gangnam Style", música e coreografia do DJ sul-coreano Psy que virou sucesso mundial.

Weiwei gravou o vídeo motivado pela demolição da casa de um amigo por autoridades chinesas. Segundo o artista, o vídeo foi retirado do ar pelo governo pouco após ser publicado, na manhã desta quinta-feira.

"Nossa felicidade é constantemente tirada de nós, nossas casas são demolidas, nós estamos sempre sendo controlados. Passaportes podem ser retirados, e tudo isso pode afetar nossa felicidade. No entanto, toda manhã temos a oportunidade de dar aos outros um motivo para rir. Rir é importante", disse.

Ai Weiwei | Foto: BBC

Dissidente chinês Ai Weiwei, que foi preso no ano passado, gravou versão de vídeo como protesto

"Nós postamos o vídeo hoje cedo, e ele estava disponível até as 9h em muitos websites chineses, vistos por milhares de pessoas, estava com muita audiência. Mas agora, o vídeo não pode mais ser encontrado", acrescentou.

Na gravação de cerca de 4 minutos, Weiwei imita a coreografia sul-coreana e em um momento tira do bolso um par de algemas e as levanta no ar em uma possível referência aos 81 dias que passou preso em 2011.

O artista disse ter ficado surpreso com o grande número de veículos de mídia que reproduziram o vídeo entitulado "Estilo de Cavalo do Grilo de Lama".

O "grilo de lama" é um animal inventado pelos chineses para protestar contra a censura na internet no país.

Na China, a pronúncia da palavra "cavalo de grilo de lama" (Cao Ni Ma), soa semelhante a um insulto proibido na internet e nas mídias sociais do país.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.