BBC
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Após atentado do Talebã, escolas armam professores no Paquistão

Uma escola de Peshawar, no Paquistão, transformou professores e funcionários em seguranças armados.

O professor de educação física Mohammed Iqbal é o chefe de segurança e ministra aulas carregando uma pistola.

Outros cinco funcionários receberam armas: um deles fica no telhado, trabalhando como atirador, e outros vigiam a entrada.

A escola também ganhou câmeras de segurança.

Todo este procedimento, que está ocorrendo em outras instituições da cidade, foi implantado depois que o Talebã invadiu uma escola militar na cidade em dezembro e matou cerca de 150 pessoas, entre alunos e professores.