Foto: Jordana Freire
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Pesquisadores liberam centenas de tartarugas em área do litoral sem lama

Pesquisadores do projeto Tamar/ICMBio divulgaram um vídeo que mais de 130 filhotes de tartaruga indo em direção ao mar em um trecho sem lama do litoral do Espírito Santo.

O local da desova das tartarugas, na praia de Regência, no Espírito Santo, é uma espécie de berçário que vem sendo monitorado há mais de três décadas. No último domingo, a lama de rejeitos da barragem da Samarco, em Minas Gerais – que contaminou o Rio Doce – chegou até o mar justamente em Regência.

A ação é resultado de uma operação de monitoramento e deslocamento de ninhos de tartaruga nas praias de Linhares, intensificada nos últimos dias com o objetivo de proteger os filhotes dos efeitos ainda desconhecidos que a lama pode ter sobre estes animais.

Para identificar a área ideal para a liberação dos filhotes, os pesquisadores consideraram elementos como as correntes marítimas e o provável padrão de deslocamento da lama.

Leia mais: 'Nem deu tempo de chorar': a difícil missão de salvar filhotes de tartaruga de 'mar de lama'