AP
A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

O ataque de homem-bomba que deixou 10 mortos em Istambul

Dez pessoas, entre elas ao menos nove turistas alemães, foram mortas em uma explosão de uma bomba na região central da capital da Turquia, Istambul.

Segundo autoridades do país, um cidadão de nacionalidade síria que seria vinculado ao grupo autodenominado Estado Islâmico realizou o ataque suicida em uma praça de uma área turística da cidade, próximo à famosa Mesquita Azul, deixando pelo menos 15 feridos.

O Estado Islâmico controla partes da vizinha síria e já fora previamente acusado de atentados em território turco. A Turquia mantém também tensões constantes com grupos curdos, que reivindicam um Estado próprio e dizem ter sido alvo de ataques aéreos por parte do governo.

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, disse que o país é um "alvo prioritário de todos os grupos terroristas da região".

Ele acrescentou que a Turquia está "combatendo todos eles igualmente".